Por que um desmame abrupto pode ser um problema?

urso

POR QUE UM DESMAME ABRUPTO PODE SER UM PROBLEMA?

Chegou a hora do desmame por aí?

Primeiro precisamos entender o que é de fato o desmame. 

O desmame não é apenas um fim, ele é um processo. O desmame começa mesmo antes do bebê parar de amamentar. 

 

A amamentação é uma relação onde somente a mãe e o bebê podem determinar o tempo de duração. E a interferência de outras pessoas pode tornar esse momento confuso e, por muitas vezes, resultar em um desmame precoce. 

 

Vamos falar sobre o processo do desmame em si! 

 

Antes de mais nada, certifique-se de que é isso mesmo que você quer. Tente enxergar qual o real motivo e talvez apenas diminuir um pouco a quantidade de mamadas já seja a solução. 

NEM TUDO SE RESOLVE COM DESMAME, EM ALGUMAS SITUAÇÕES PODE ATÉ ATRAPALHAR NO DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA. 

Vou colocar aqui alguns motivos que fazem as mamães optarem por um desmame precoce, mas existem vários outros!

(talvez você se encaixe em um deles e não tem problema, espero te ajudar a entender o que o seu bebê está passando e o que podemos fazer para melhorar essa fase) 

  • CANSAÇO/ESGOTAMENTO 

Pode acontecer muito porque o bebê pode solicitar o peito muitas vezes durante o dia, pode chegar a mamar mais de 10 vezes no dia. E por ser muito exaustivo a mãe acaba escolhendo o desmame como alternativa! 

 

  • SOCIEDADE/AMIGOS/FAMILIARES

As pessoas podem começar a falar que a criança já é grande demais para mamar e que a amamentação longa vai fazer mal pro bebê e que isso vai torná-lo dependente da mãe. 

 

  • CONSELHO MÉDICO 

Algum médico que falou que o bebê já está muito grande para mamar ou que o leite materno virou água e não tem mais nutriente nenhum, que isso só está atrapalhando o desenvolvimento do bebê. 

 

Independente do que as pessoas falam, cabe apenas a mãe e o bebê decidirem quando é o momento de parar! 

 

Atenção: Se o bebê tem menos de um ano você terá que substituir a mamada. 

 

Se você mesmo lendo todos esses motivos e as minhas indicações ainda sim quiser fazer o desmame, a melhor forma é conduzir esse processo gradualmente e com muito amor. Realizar o desmame de forma abrupta não te fará bem, pelo ingurgitamento, dor e até infecção, e também não fará bem ao seu bebê, que sentirá a mudança.

Caso esse processo seja feito muito rapidamente, a criança pode sentir e refletir isso em seu comportamento, com ansiedade, raiva, despertares. Sempre converse sobre todas as etapas. Você pode combinar para ele escolher o “dia do desmame”. Tente dar mais atenção e amor, com tempo de qualidade, nesse período porque o que a criança mais quer é a atenção da mãe.

Em hipótese alguma coloque pimenta no peito ou faça qualquer outra coisa para afastar e prejudicar o bebê. Isso pode causar um trauma gigantesco na criança. 

Agora você deve estar se perguntando: “Mas Doutora Kelly qual é a solução então?”

Eu vou fazer uma Master Class dia 9 de setembro às 20h30 onde eu vou te mostrar como você pode ter um desmame gentil sem romper o vínculo com o seu filho! 

 

Acesse o link e se inscreve ⬇️

https://pediatriadescomplicada.com.br/masterclassdesmamegentil/ 

 

Essa é uma linda jornada. Se permita aproveitar cada momento com seu filho ou filha! 

 

Um Beijo,
Dra. Kelly Oliveira
@pediatriadescomplicada
CRM 145039 RQE 47171 | 88906

 

AGENDE SUA CONSULTA

Comentários do Facebook