fbpx

urso

Sono demais de dia pode resultar em pouco sono de noite!

Noites mal dormidas são comuns na vida de quem acabou de se tornar mãe e pai, não é? É o seu caso? O processo de amadurecimento é difícil para os bebezinhos e para os pais, e isso afeta diretamente o sono de todos na casa.

 

Além disso, os ciclos do sono de um bebê recém-nascido são completamente diferentes dos ciclos de sono de um adulto (pois o mecanismo que regula os ritmos circadianos ainda não está completamente amadurecido), e os pequenos tem necessidade de mamar com mais frequência, e por isso acabam acordando diversas vezes durante a madrugada.

 

Mas e quando o sono noturno é afetado pelas sonequinhas da tarde?

 

Sono demais de dia pode sim afetar o sono noturno! Geralmente quando as crianças chegam aos 3 anos, a soneca do dia é eliminada e o sono passa a ser muito parecido com o do adulto (monofásico). Então, sonecas durante o dia acabam atrapalhando o sono noturno e levando a criança a dormir muito tarde. Isso acontece, pois a criança com essa idade precisa ficar acordada entre 11 a 12 horas para sentir sono novamente.

 

Lembrem que a soneca precisa ocorrer até no máximo as 14:00 (e para algumas antes disso) para não atrapalhar o sono noturno.

 

Mas essa não é a única razão para o sono noturno ser afetado, querida! Não se desespere, é preciso enxergar a situação como um todo. Se seu filho tirar uma soneca curta durante a tarde, não quer dizer que necessariamente a noite será agitada por aí.

 

Bebês com mais de um ano de idade não costumam tirar sonecas tão longas durante o dia, normalmente elas se dividem em duas, cada uma de uma hora no máximo, ou apenas uma.

 

E a hora que o bebê acorda também influencia no sono noturno! Se seu filho acordou, por exemplo, às 5 da manhã, vai sentir sono mais vezes ao longo do dia e tirar mais cochilos, o que pode influenciar na hora de dormir. Pense como se fosse um ciclo, com todos os fatores interligados.

 

Por isso, se você acha que seu filho está dormindo demais durante o dia e isso está atrapalhando o soninho da noite, já sabe por onde começar: vamos diminuir as sonecas diurnas! Assim o bebezinho não só irá dormir mais cedo, como também irá dormir por mais horas e acordar mais tarde, formando o ciclo que comentei.

 

Como o tema do post é esse, a dica de #SonoDescomplicado de hoje foi essa, mas vários outros fatores podem influenciar o sono noturno como falta de rotina, uso de telas, saltos de desenvolvimento, picos de crescimento e muito mais. Lembre-se de observar a situação como um todo, e não apenas o sono.

 

Para resolver o problema, você precisa primeiro entendê-lo. Vou deixar alguns outros posts aqui que podem te ajudar (e muito) a tornar a hora de dormir muito mais descomplicada!

 

Não esqueça de se inscrever no canal do youtube da Pediatria Descomplicada, acesse:

Para ter acesso a conteúdos exclusivos, do Pediatria Descomplicada, junte-se ao grupo do Telegram através do link: https://bit.ly/30iJTkW

Para seguir o blog e receber as novidades por e-mail, basta clicar no botão “seguir” no site. Siga no Instagram(@pediatriadescomplicada, clique no canto superior direito “ativar notificações de publicação”).

Dra Kelly Marques Oliveira

CRM 145039

Consultório particular em São Paulo: (11) 5579-9090

Para seguir o blog e receber as novidades por email, basta clicar no botão “seguir” no site. Siga também no Facebook (ative o “ver primeiro”, para receber aviso dos posts novos) e Instagram (@pediatriadescomplicada, clique no canto superior direito “ativar notificações de publicação”).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja muito bem-vindo!
Quer receber Nossa newsletter coloque seu melhor email

(Não se preocupe, somos contra spam)