urso

5 formas de aliviar o calor dos bebês e crianças

Com a chegada do fim do ano, o calor intenso também bate a porta e incomoda não só os adultos, mas também os pequenos. Quem tem filhos em casa deve ficar atento aos dias muito quentes, principalmente quando se trata de bebês e crianças pequenas.

Isso porque seu sistema termorregulador interno ainda não está completamente desenvolvido, o que faz com que sua temperatura corporal suba até cinco vezes mais rápido do que a de um adulto, além de ser um gatilho para problemas de pele (como a dermatite causada pelo suor, por exemplo) e desidratação.

Existem muito mais dicas para garantir que seu filho esteja fresquinho e possa desfrutar dos dias de verão da melhor forma possível.

Confira abaixo 5 formas de aliviar o calor dos bebês e crianças:

1 – Hidratar, hidratar e hidratar

Para bebês menores de 6 meses, ofereça o peito mais vezes ao dia mesmo que em livre demanda. A amamentação exclusiva também tem função de hidratação e é tudo que o bebezinho precisa. E claro, você também pode optar pelo famoso picolé de leite materno. Caso seu filho tenha mais que 6 meses de idade, ofereça água diversas vezes ao dia e tenha sempre um copinho com água por perto para que ele se sirva quando tiver vontade.

2 – Abuse dos banhos rápidos

Refrescar os pequenos no chuveiro com água fresquinha é uma ótima opção ao longo do dia. E não precisa ser só no chuveiro: brincadeiras supervisionadas na piscina ou no mar também são bem-vindas! Só é preciso se atentar ao uso do protetor solar e evitar os horários em que o sol está mais forte, aproximadamente das 10h às 16h.

3 – Atenção ao uso do ar condicionado e do ventilador

Ambos são opções muito agradáveis para as mamães e papais, mas exigem certos cuidados quando se trata dos pequenos. O ar condicionado oferece a vantagem de regular a temperatura do ambiente, porém diminui a umidade do ar, ressecando as vias aéreas. Para evitar esse problema, uma dica é optar pelo uso do umidificador em conjunto no ambiente.

No caso do ventilador, o ideal é posicioná-lo de forma que o jato de ar não atinja diretamente o bebê, mas sim refresque o ambiente.

4 – Roupinhas fresquinhas são ideais

Em tais dias quentes, é muito importante que os pais vigiem a hidratação dos pequenos, deixando-os com roupinhas mais leves de tecido fino, como algodão, malha e tecidos naturais, dependendo da temperatura, você pode também deixar seu filho somente de body ou fralda. Eles adoram, tenha certeza! Opte também por roupas com proteção UV caso saia com a criança no sol.

Bonés de algodão e chapéus de cor clara também são bem-vindos para evitar insolação quando está muito sol! E lembre-se de não deixar seu filho sozinho dentro do carro, é muito perigoso e dentro do automóvel a temperatura pode subir em até 10°C a mais que a temperatura exterior.

5 – Abuse do consumo de frutas

Bebês com mais de 6 meses que já iniciaram a introdução alimentar podem consumir frutas sem problemas, e nessa época de calor intenso aquelas mais aguadas, como melancia e melão, são muito recomendadas. Que tal fazer também uma saladinha de frutas saborosa? Além de ser saudável, ajuda a aliviar o calor e hidratar a criançada.

E não esqueça de se inscrever no canal do youtube da Pediatria Descomplicada! 

Para ter acesso a conteúdos exclusivos, do Pediatria Descomplicada, junte-se ao grupo do Telegram através do link: https://bit.ly/30iJTkW.

Um bjo,

Dra Kelly Marques Oliveira

Para seguir o blog e receber as novidades por email, basta clicar no botão “seguir” no site. Siga no Instagram(@pediatriadescomplicada, clique no canto superior direito “ativar notificações de publicação”).

Dra Kelly Marques Oliveira

CRM 145039

Consultório particular em São Paulo: (11) 5579-9090/ Whatsapp (11) 93014-0007

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Faixa