urso

Porque seu filho pode estar acordando a noite?

A noite é um momento muito delicado para as crianças. Dias agitados, experiências novas,  saltos de crescimento e desenvolvimento, doenças, fome são alguns dos fatores que podem influenciar de forma direta na qualidade do sono das crianças. Mas se isso está acontecendo com certa frequência e você já está começando a notar problemas na rotina da família ou da criança por conta deste sono inquieto é o necessário avaliar!

Veja os posts sobre saltos de desenvolvimento aqui.

Mas antes de avaliar as causas que possam estar influenciando na qualidade do sono do seu filho é necessário entender um pouquinho sobre as características do sono das crianças.

Além disso, você sabia que durante à noite, a cada 60 minutos em média, a criança entra em um estágio de sono mais leve dentro ciclo do sono, de fácil despertar, onde qualquer ruído ou movimentação podem despertá-la?

E para a criança acordar diversos fatores podem influenciar, como:

  • o barulho do relógio;
  • a luz do corredor;
  • uma sirene na rua;
  • o ruído de aparelhos eletrônicos;

Enfim, qualquer barulho ou ruído pode interferir nesse momento.

Por isso, para proporcionar um ambiente tranquilo que ajude na qualidade do sono das crianças é necessário evitar ao máximo distrações externas e quando possível aumentar o ruído branco para “cobrir” sons intrusivos e outras distrações que você não pode bloquear. O ruído branco são barulhos que  ajudam a cobrir esses sons e simulam o barulho do útero, como o pulsar da artéria uterina, barulho de chuva, de secador, máquina de lavar, entre outros.

Hoje existem aplicativos que você pode baixar do celular que simulam esses barulhos.

Mas, se os episódios de despertares noturnos começarem a ocorrer com frequência, é necessário analisar alguns distúrbios que podem estar influenciando no sono da criança. Dentre eles, podemos citar:

1. Dentição

Quando os primeiros dentinhos da criança começam a aparecer alguns incômodos podem surgir. Durante o dia, as dores dos primeiros dentes podem ser controladas com mais facilidade, mas durante a noite, os incômodos podem ser mais fortes.

Se você suspeitar que o nascimento dos novos dentes está causando o despertar noturno, procure usar músicas ou ruídos para distrair a criança. Se você optar por essa alternativa, comece lentamente e veja como seu filho se adapta. Além disso, você pode consultar o pediatra para analisar o uso de medicamentos que podem auxiliar nesse momento, como o paracetamol ou ibuprofeno meia hora antes de dormir. No entanto, isso deve ser avaliado pelo médico da criança para analisar todos os fatores envolvidos antes de iniciar o uso da medicação.

Outras medidas podem ser usadas como um mordedor ou frutas geladinhas.

 

2. Cocô duro e desgraças digestivas

A constipação pode ser outro fator que incomode o sono das crianças. Existem alguns casos que a criança se esforça tanto para conseguir fazer cocô que acaba acordando ou ainda sente cólicas muito fortes que dificultam na hora de achar uma posição confortável para dormir.

Se este for o caso do seu filho, fique atendo ao consumo de água e a prática de exercícios. Além disso uma alimentação equilibrada e saúda é fundamental, se a criança já come, aumente o consumo de fibras como aveia, linhaça, amaranto na alimentação, folhas e frutas laxativas, como laranja, ameixa, abacate e mamão. Você pode aumentar também a quantidade de azeite na comida, de preferência o extra virgem.

É importante também pedir uma avaliação do médico, para investigar a alimentação da criança e sugerir substituições caso seja necessário.

3. Garganta seca e nariz entupido

As crianças pequenas costumam ficar resfriadas com frequência. Assim, se o seu filho estiver passando por dificuldades para dormir ocasionalmente, a garganta seca ou o nariz entupido podem ser as causas desse problema.

Ambos os problemas são especialmente comuns quando o tempo está muito seco e frio, ou quando você está usando o aquecedor nas noites frias de inverno. Isso ocorre porque o aquecedor acaba ressecando o ar.

Quando isso acontecer com o seu filho, coloque uma toalha dobrada sob o colchão para levantar a cabeceira da cama e use um umidificador de névoa a noite, junto com o aquecedor. Procure não deixar o aquecedor ligado a noite toda. Use apenas água filtrada e limpe o umidificador todos os dias para evitar o crescimento bacteriano.

Aviso: Evite usar um vaporizador de água quente. Pode queimar seu filho se ele tocar no vapor.

Experimente também fazer a lavagem nasal no seu filho! Faça sempre que ele apresentar secreção nasal. Use soro fisiológico e uma seringa para higienizar cada narina.

Veja o post sobre lavagem nasal aqui.

Além disso, para aliviar a tosse, você pode preparar  um xarope natural feito com algumas colheres de água morna misturada com um pouco de mel e suco de limão (suco de limão tem descongestionantes naturais). Atenção pois o mel é recomendado para maiores de 1 ano. Entre um e dois anos procure usar com moderação, apenas em preparos e xaropes caseiros para alívio da tosse, para evitar o consumo de açúcares.

Se a tosse persistir ou for espasmódica ou ofegante, ou seja acompanhada por dificuldade respiratória, procure um pediatra para fazer a avaliação da criança o quanto antes! E se seu filho ronca ou dorme com o pescoço estendido, pergunte ao seu médico se os distúrbios respiratórios do sono como apnéia do sono, rinite alérgica podem ser os culpados. Outros incômodos também podem atrapalhar o sono do bebê, como doença do refluxo gastroesofágico e cólica  do lactente. Procure orientação do médico para saber o que fazer nessas situações.

Veja os posts sobre cólica e doença do refluxo gastroesofágico.

E aí gostaram das dicas? Mandem suas dúvidas também! E compartilhe pra quem precisa 😉

Um bjo

Dra. Kelly Marques Oliveira

Pediatra, Alergia e Imunologia e Consultora Internacional de Amamentação (IBCLC) – CRM 145039

E aí gostou do conteúdo? Espero que tenha ajudado a esclarecer dúvidas! Compartilhe! E você sabia que dá para receber o conteúdo do blog direto no seu email? É só se cadastrar! Estamos também no Facebook (curta e coloque para “ver primeiro” nas opções) e instagram @pediatriadescomplicada (ative as notificações para visualização).

Consultório Espaço Médico Descomplicado – São Paulo: (11) 5579-9090/ whatsapp (11) 93014-0007

Fonte de referência

https://www.happiestbaby.com/blogs/blog/toddler-waking-at-night

 

2 Comments

  • Raphaella 10/07/2019 Reply

    Nossa, ótimas explicações Dra. Nessas duas últimas semanas meu bebê tem dormido super mal e acordando a cada 1 ou 2h e já se senta cama e, às vezes, quando dou a chupeta começa a morder e resmungar. Imaginava que fosse esse o motivo de tanto incômodo, mas agora tenho certeza. Acho que 2 dentinhos superiores estão nascendo, pois a gengiva está bem inchada. Além disso, tem passado o dia bem enjoadinho e carente é pra completar ainda está resfriado.

    • Sac Blog 12/07/2019 Reply

      Olá querida Raphaella,

      Muito obrigada por me acompanhar e interagir comigo, fico muito feliz em poder ter ajudado você com seu bebê, entendo e compreendo os receios de nós mães, por isso tento trazer aqui no Blog diversas informações para ajudar no dia a dia de vocês.

      Fique tranquila e despreocupada.

      Um grande beijo.

      Dra Kelly!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Faixa