urso

Sarampo e Alergia à Proteína do Leite: Saiba a Relação

Sabemos que o sarampo está de volta aos noticiários, matérias em jornais revistas e blogs, os quais nos alertam sobre o retorno do vírus e todos os seus malefícios!

Sabemos também que os principais sintomas ligados ao quadro clinico são: febre alta acompanhada de tosse persistente, irritação ocular e corrimento nasal, manchas avermelhadas no rosto que progridem em direção aos pés, em casos mais graves, infecção nos ouvidos, pneumonia, convulsões, diarreias, e por fim, lesão cerebral e morte.

Mas existe um ponto que talvez não esteja tão esclarecido! Você sabe qual é a relação entre a vacina contra o sarampo e pacientes alérgicos à proteína do leite?!

Pois é! A Tríplice Viral (sarampo, caxumba, e rubéola) oferecida nos postos de saúde do fabricante Serum Institute of India possui traços de lactoalbumina em sua composição. No ano de 2014 foram registrados alguns caso de crianças alérgicas a leite que tiveram anafilaxia (irritação na pele, náuseas, vômitos, dificuldade respiratória e choque hemorrágico) após receberem a vacina Tríplice Viral!

Na rede particular já é possível encontrar vacinas sem a presença da lactoalbumina, tanto a Tríplice Viral, como a opção Tetra Viral (sarampo, caxumba, rubéola, e varicela).

Mas, afinal, qual é a relação?
A reação anormal do sistema de defesa do organismo às proteínas dos alimentos é conhecida como alergia alimentar (AA). A proteína é fundamental ao nosso organismo, e está presente em quase todos os alimentos, sendo que é através das proteínas que são produzidas enzimas,tecidos, músculos e hormônios.

Ocorre que, se uma pessoa com predisposição genética absorver um epítobo (região mais alergênica das proteínas alimentares) o seu organismo ao reconhecer o agente, irá produzir anticorpos, que acarretarão em reação alérgica.
Entre os alimentos mais alergênicos encontra-se o leite de vaca. Por isso, pacientes com histórico a alergia a leite, devem estar atentos!

Gostaria de saber um pouco mais sobre a Alergia à Proteína do Leite? Leia aqui!

Hoje é perfeitamente possível encontrar vacinas contra o sarampo que não possuam a lactoalbumina, e sendo assim, não é justificável a não prevenção em função deste motivo (os riscos do sarampo são muito grandes para se evitar a vacinação. Não vamos cometer essa irresponsabilidade!). Segundo a Sociedades Brasileiras de Imunizações (SBIm) e de Pediatria (SBP)a vacinação é a única forma preventiva válida, e as crianças devem ser submetidas a vacinação rotineira. Por isso não deixe de buscar imunização para você e sua família. Porém, ter atenção a esse fator, é essencial, em caso de dúvidas busque orientação do seu médico de confiança!

Um beijo,

Dra. Kelly Marques Oliveira

Pediatra, Alergia e Imunologia e Consultora Internacional de Amamentação (IBCLC) – CRM 145039

  • Para mais informações entre em contato conosco em nosso telefone:
    ☎ (11) 5083-1818
  • Ou envie sua mensagem em nosso WhatsApp:
    📲 (11) 99866-1107
  • www.vacinadescomplicada.com.br
  • contato@vacinadescomplicada.com

Consultório Espaço Médico Descomplicado – São Paulo: (11) 5579-9090/ whatsapp (11) 93014-0007

E aí gostou do conteúdo? Espero que tenha ajudado a esclarecer dúvidas! Compartilhe! E você sabia que dá para receber o conteúdo do blog direto no seu email? É só se cadastrar! Só fazer o cadastro na nossa newsletter e colocar seu email! Estamos também no Facebook (curta e coloque para “ver primeiro” nas opções) e instagram @pediatriadescomplicada (ative as notificações para visualização).

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Faixa