urso

Vacina da gripe e alergia a ovo

 ovo, alergia ao ovo, vacina da gripe, mitos e verdades.

Segundo estudo publicado no Annals of Allergy, Asthma and Immunology, crianças alérgicas a ovo, incluindo aquelas com história de anafilaxia a ovo, podem receber uma dose de vacina contra a gripe sazonal.  

A vacina da gripe é cultivada em embriões de galinha e contém quantidades residuais de ovoalbumina, um dos principais alérgenos do ovo.

O estudo demonstrou que uma única dose é segura, sendo desnecessário administrá-la em duas etapas, uma das técnicas utilizadas no passado para minimizar o risco de reações alérgicas. Verificou-se que todas as crianças podem tolerar a vacina, mesmo com história de anafilaxia ou reação alérgica grave ao ovo.

A única recomendação é manter um período de observação por 30 minutos após a vacinação, em qualquer estabelecimento médico, incluindo o consultório, para que se possam tratar possíveis reações alérgicas, caso ocorram. Mas os benefícios superam os riscos.

A vacina da gripe NÃO está contra indicada em outras alergias alimentares, como alergia ao leite (APLV), castanhas, trigo, soja. Portanto se seu filho tem alergia alimentar, a vacina não é contra indicada! Nos casos graves de alergia alimentar,  consulte seu médico antes!

Observação importante: essa informação é resultado de um estudo publicado em revista científica, porém recomendo que se você ou seu filho tem alergia ao ovo, principalmente reações graves como anafilaxia, converse com o seu médico antes de qualquer medida!

Um abraço,

Para seguir o blog e receber as novidades por email, basta clicar no botão “seguir” no site. Siga também no Facebook (ative o receber notificações, para receber aviso dos posts novos) e instagram (@pediatriadescomplicada).

Dra Kelly Marques Oliveira

CRM 145039

Consultório particular em São Paulo: (11) 5088-6699

Referências bibliográficas

Fonte:  Safe administration of the seasonal trivalent influenza vaccine to children with severe egg allergy. Matthew J. Greenhawt e colegas. Annals of Allergy, Asthma & Immunology, 2012; 109 (6): 426 DOI:10.1016/j.anai.2012.09.011

3 Comments

  • Ana Maria Kluppel 07/04/2016 Reply

    Cuidado com essa informação!!! Meu filho (2anos) DESENVOLVEU alergia grave a ovo após uma única dose dessa vacina. Hoje tem várias restriçoes alimentares e chega a precisar ir para o hospital se comer uma fatia de bolo.
    Não teria dado a vacina se soubesse desse risco, não compensa!

  • carlo bulhoes 13/04/2016 Reply

    pena

  • Patrícia 20/04/2016 Reply

    Minha filha tomou a vacina h1n1 no dia 11 de abril de 2016 ela tem 4 anos,esta com Garganta irritada,tosse,vômito e febre alta,peito carregado esta tomando medicações e estou muito muito preocupada,reação a vacina ,será que essa vacina tem ser reavaliada??
    Uma mãe em desespero.

Deixe uma resposta